terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Britânica se desafia a passar 40 dias sem plástico


Britânica quer que pessoas 'pensem duas vezes a respeito de produtos descartáveis'


Uma britânica lançou um desafio a si mesma: decidiu passar uma Quaresma sem plástico.

A consultora em ambiente marinho Emily Smith, de 24 anos, promete que não vai usar nenhuma embalagem descartável plástica por 40 dias, para descobrir se ela é capaz de viver sem o material.

"Vou ter que fazer mudanças drásticas em meu estilo de vida, para evitar refeições pré-fabricadas, compras de última hora no supermercado e (embalagens de comida) para viagem", diz.

Por isso, antes de iniciar o desafio autoimposto, ela teve de comer tudo o que tinha em sua geladeira, "para limpá-la de itens plásticos".

Seu objetivo, afirma, é "mostrar o quanto dependemos" do material poluente e estimular as pessoas a "pensar duas vezes a respeito de produtos descartáveis".

"Eles servem para uma pessoa e vão direto para a lata de lixo", diz Emily, que é voluntária da Sociedade de Conservação Marinha. "O resultado é plástico flutuando em nossos mares. É um problema maior do que as pessoas pensam, (porque) não estamos apenas sujando, mas mudando a composição do ecossistema marítimo."

Produtos em barra

No experimento, ela vai abrir exceção a itens multiuso, como caixas plásticas para guardar objetos em casa, e a sua escova de dentes. Mas estão proibidos todos os itens que contenham plástico na embalagem ou no embrulho.

"Deixei de lado todos os meus xampus e cosméticos e comprei produtos naturais - xampu, condicionador, desodorante e pasta de dente - em barra", explica.

Para as demais compras, ela diz que está frequentando lojas independentes, feiras de frutas e vegetais e padarias em sua cidade, Bristol. "Até agora, está indo muito bem."

Seu leite é entregue pelo leiteiro local; suas sacolas plásticas foram substituídas por sacolas retornáveis. Mas a compra de alguns produtos tem sido um desafio.

"Papel higiênico tem sido difícil; tenho que comprar os rolos em embalagem de papel", conta.


Fonte: BBC
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário